Concelho do Sardoal
Barra de Botões
Friso Floral
HISTÓRIA
Pelourinho do Sardoal
Pelourinho do Sardoal
[Introdução]
[Outras informações]

Introdução

Povoação portuguesa do distrito de Santarém, diocese de Portalegre e Casteloo Branco e comarca de Abrantes, com 2.368 habitantes (dados de 1981). Sede de concelho, está situada a 11Km de Abrantes, à altitude máxima de 247m, na margem direita da ribeira homónima. Terá recebido foral em 1313 e é vila desde 1532. Constituído por 4 freguesias, o concelho tem 4.759 habitantes (dados de 1981). Possui indústrias alimentares, de cerâmica e fabrico de malas.

in Lexicoteca - Moderna Enciclopédia Universal. Edição Círculo dos Leitores. Lisboa:1987.

Outras Informações

Perdem-se, na bruma do tempo, as origens da Vila de Sardoal e não são conhecidas memórias que, por escrito ou tradição, possam informar dos seus princípios.

O documento mais antigo existente no Arquivo Municipal é uma Carta da Rainha Santa Isabel, de 1313 e é tradição que o Sardoal teve o seu primeiro foral, dado por esta Soberana, no mesmo ano de 1313. Tal facto não está confirmado. (certo e seguro, é que em 22 de Setembro de 1531, D. João III, elevou a povoação de Sardoal à categoria de Vila e demarcou, por carta de 10 de Agosto de 1532, os seus limites territoriais de então.

Informação gentilmente cedida pela Região de Turismo dos Templários

 

[home] [história] [geografia] [localização] [património] [caracterização]
[economia] [a visitar] [roteiro] [agenda] [notícias] [outras informações]
[Ecos do Ribatejo]

Concepção e realização